11 99659-7705 ou 4702-3097

 

 

A vinha é cultivada nesta região desde o tempo dos romanos. São 9 localidades, incluindo a cidade de St-Émilion. O solo composto na maioria por calcário e argila é mais apropriado para o cultivo da Merlot. A uva Cabernet Franc, também é plantada na região e entra em alguns cortes.

Normalmente os vinhos de St-Émilion, são mais frutados, e frescos e os melhores tem ótima estrutura tânica com capacidade de envelhecer. Sendo os mais novos escuros e concentrados.

Em St-Émilion, temos duas classificações. A AOC ST-Émilion e AOC ST-Émilion Grand CRU. Apesar de serem localizadas na mesma região geográfica, para ser considerado um  Grand Cru,o vinho deve ter o teor alcoólico  mais alto, as safras  menores e  a  aprovação de dois comitês .20131024_111748

St –Émilion conta hoje com 4 Grand Crus Classes : Château Angelus, Château  Ausone, Château Cheval Blanc, Château Pavie.

Outros excelentes vinhos tem a classificação Premier Grands Crus Classes , entre eles , Château Beauséjour, Château Canon , Château Canon de La Gaffeliére, Château Tropolong  Mondot, Château La Mondotte, Château Valandraud. Em anos mais recentes , a região teve a expansão dos vinhos boutique , ou vinícolas  ” garage “. Este termo é designado para os vinhos produzidos em pequenas propriedades , com boa qualidade e em quantidades limitadas.

Ao lado  de St-Émilion, há as regiões satélites que usam o nome, tem o solo parecido , mas o ciclo de maturação da uva é mais tardio e portanto produz  vinhos de estilos semelhantes, porém mais rústicos. Destaca-se a AOC Lussac-St-Émilion com vinhos de melhor qualidade da região.

Os vinhos de St-Émilion, são frutados, macios, de taninos muito equilibrados e ótima acidez. Harmonizam muito bem com carnes assadas, carnes de caça, pratos com mais gordura. Ou são ótimos para serem bebidos sozinhos, pois são muito agradáveis .20131024_111738